quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

RTPN e RTP Memória, para todos...mas só na Internet!

A RTP informa que está disponível no seu site a nova plataforma PlayTV aonde é agora possível, a partir de um computador ou dispositivo móvel, aceder a vários conteúdos de televisão e rádio em directo e a partir de qualquer parte do mundo. Entre os canais de televisão disponíveis estão: RTP1, RTP2, RTPN, RTP Memória, RTP Internacional e RTP Mobile. Infelizmente, a qualidade de imagem é baixa e com cortes frequentes, o que é típico das emissões Web. O serviço informa que está em fase Beta.
Não deixa de ser surpreendente que a RTP tenha conseguido assegurar os direitos de emissão dos canais para todo o mundo, tanto mais que alguns programas são de origem estrangeira e difundidos na sua versão áudio original (normalmente o inglês). Isso prova que não é por falta de meios financeiros que RTPN e RTP Memória não estão ainda disponíveis na plataforma TDT, algo que é reclamado por muitos portugueses e foi até objecto de uma petição de minha autoria (Petição pela emissão da RTPN e RTP Memória na TDT em canal aberto). Como já em diversas ocasiões referi, 50% da capacidade do Mux A da nossa TDT está sem utilização desde o lançamento oficial da televisão digital terrestre em Abril de 2009. Essa capacidade não utilizada permite difundir até 4 canais adicionais de televisão em definição standard.
Fica pois no ar a questão: para quando a RTP Memória e a RTPN na TDT?

8 comentários:

Helder disse...

Infelizmente é o que temos quem estiver á espera de ver na tdt muitos canais mais vale esperar sentado pois isto é tudo uma questão de interesses.
O 5º canal não arranca porquê?.
Se calhar porque os actuais operadores sempre se opuseram a outro canal generalista em aberto e lá mexxeram os cordelinhos para retardar ao maximo o arranque desse mesmo canal.
A pay tv morreu na tdt, mas essa já está morta desde nascença pois quando deram a gestão da tdt a uma empresa que já detinha uma plataforma de pay-tv este era o resultado que já se previa.

Ou seja quem quiser ter mais alguns canais para alem dos actuais irá ter sempre que pagar, porque estamos num país de interesses.

Afinal os Suecos(Airplus) sempre tinham razão.

@_Anonimo disse...

boas, a RTP playTV é uma miragem uma autentica burocracia, alias como é todos os formatos multimédia em Portugal
A rtp é muito respeitadora nos direitos de transmissão!?, pois os canais RTP1,2,M, só transmitem conteúdos que eles entendem.
Uma autentica burocracia sem controlo, qual é a lógica não transmitir via web na RTP1 um programa e depois transmitir o mesmo programa via web na RTP internacional
Porque no site na rtp playtv não aparece a rtpMadeira e açores listado? é por causa dos direitos de transmissão?, mas não é a mesma casa?
Qual é a lógica transmitir via web a RTPN, e depois transmiti-la via satélite em circuito fechado.
Nada disto faz sentido a uma falta de sabedoria tecnológica na RTP, pois isto que eles fazem é simplesmente ridículo.
Sem falar da nossa TDT que é uma autentica burocracia,para favorecer a PT, antes era desculpa não havia o tal espectro radio eléctrico, agora é quase tudo igual, mas qual é a lógica desta gente da rtp.
Uma coisa que os Chineses sabem fazer é copiar. pois aqui em Portugal nem isso sabemos fazer, se calhar é por causa dos direitos transmissão por isso não copiamos as ideias tecnológicas dos outros países da Europa

Yagi disse...

Era realmente muita fartura!
Alguns programas não estão a ser emitidos devido a questões de direitos de emissão.

Manel do Outeiro disse...

Muitos (a maioria) não estão a ser transmitidos devido aos direitos, problema que poderia ser facilmente ultrapassável com a limitação de visualização a IP's nacionais.
Pior que isso é a RTP2 praticamente nunca estar "no ar"...

Manel do Outeiro disse...

Neste momento a RTP Internacional e a RTP Mobile transmitem em directo o "Notícias24" da RTPN.
A RTPN não está a transmitir... devido a problemas de direitos!
Ridículo!!!

Yagi disse...

Quando escrevi o Post foi possível assistir à série "Allô, Allô", logo a seguir o "Night Rider" e outros. Possivelmente foi algum lapso no controle da emissão Web. Agora muitos programas não estão acessíveis.

Para quê dizer que as emissões estão disponíveis a partir de todo o mundo se afinal não têm os direitos de emissão para tantos programas? Eu bem disse no post que achava surpreendente a RTP ter conseguido os direitos de emissão para todo o mundo. Tinha razão para estar surpreendido...

Mais uma vez a RTP a "portar-se mal"...

Yagi disse...

Manel do Outeiro,
Sim, é fácil limitar o acesso a IP's nacionais. A BBC faz isso.

Pedro Pinto disse...

É vosso objectivo colocar a RTPN e a RTP Memória na TDT... Contudo, enquanto não se procede ao switch-off do analógico, entendo que os telespectadores não devem ficar privados de ver conteúdos como a Volta a França em Bicicleta, transmitida inexplicavelmente desde 2004 na RTPN e não na RTP2. Se concordarem com este ponto de vista, subscrevam a petição em http://peticaopublica.com/PeticaoVer.aspx?pi=tourRTP2!