segunda-feira, 9 de maio de 2011

Lojas PT não promovem a TDT?

Há alguns dias visitei uma loja PT Bluestore na cidade de Aveiro a fim de saber se e como estava aí a ser feita a divulgação/promoção da TDT. Procurei equipamentos e nada, zero, nem um para amostra. Apenas telemóveis, smartphones e a box MEO. Procurei então por um simples folheto ou cartaz, também nada, não havia uma única referência à Televisão Digital Terrestre. Tentei então outra loja PT Bluestore com o mesmo resultado. Em dois anos parece que nada mudou e, apesar da PT até ter anunciado receptores TDT com a "marca" MEO que, como oportunamente critiquei, muito poucos tiveram a oportunidade de adquirir, parece no mínimo estranho que a empresa responsável pela TDT não faça qualquer referência ao serviço nas suas lojas. Devo dizer que no passado contactei a PTC e em diversas ocasiões procurei em lojas PT de Coimbra e Aveiro e nunca me souberam sequer informar se efectivamente iriam ter disponíveis os ditos receptores e muito menos quando. Não fiquei portanto surpreeendido com o resultado.

Parecem não restar dúvidas que para a PT a TDT é um patinho feio, que não interessa promover. Mas, sabendo que a PTC tem a obrigação contratual de promover a TDT e que a Anacom irá supervisionar as campanhas que deverão arrancar em breve, estou curioso em saber como irá a PTC conciliar a obrigação de promover a TDT, com a oportunidade de ouro criada pelo fim anunciado das emissões de televisão analógica, para conseguir o maior número adesões possível ao seu serviço MEO. A publicidade que passa na televisão, da responsabilidade da Anacom, é sem dúvida um mau sinal. Para já, sabe-se que nos meses mais críticos e que antecedem o encerramento dos principais emissores de televisão não haverá qualquer promoção à TDT por parte da PTC.

Recordo palavras recentes da Anacom: «de forma a garantir o impacto da campanha em termos equivalentes, esta Autoridade considerou essencial manter o recurso ao contacto directo com as populações através das redes de lojas da PTC e da distribuição porta-a-porta de um guia prático sobre a TDT».

Estou certo que o facto de a PT dispor de uma vasta rede de lojas pesou favoravelmente na classificação da sua proposta (apesar de ter sido a única para a TDT dita gratuíta) nos concursos da TDT. No entanto, a tão poucos meses da data prevista para o encerramento das emissões analógicas, as lojas PT parecem estar fora do seu plano de promoção da TDT que, recordo, não vai ter lugar no período mais crítico da transição. Recordo também que a distribuição do guia informativo sobre a TDT parece já ter passado para a alçada da Anacom (ver post de 3 de Maio).

Resta agora aguardar pelas pérolas publicitárias que supostamente deverão motivar os portugueses a aderir a esta televisão digital que praticamente não traz nada de novo!

20/07/2011:
No dia 15/07 fiz nova visita às mesmas duas lojas PT Bluestore de Aveiro e a ausência de divulgação/promoção da TDT mantem-se. Nem um folheto, cartaz ou equipamento. Uma da lojas até está na lista de lojas que supostamente vendem o kit TDT Complementar (satélite).

3/08/2011:
Uma investigação da DECO/PROTESTE agora divulgada chegou à mesma conclusão. A maioria das lojas PT Bluestore visitadas não soube esclarecer um cliente anónimo. Mas não só, a esmagadora maioria das Camâras Municipais e Juntas de Freguesia não soube informar sobre a comparticipação à compra de receptores TDT por parte de pessoas com necessiadades especiais e baixos rendimentos. Para mim, esta situação não constui a mínima surpresa, pois tenho vindo a alertar para ela há vários meses.

5/08/2011:
Após o estudo da DECO, que relata várias falhas na informação prestada aos cidadãos a propósito da mudança para a TDT, o PSD decidiu apresentar um requerimento para que o presidente da ANACOM, José Manuel Amado da Silva, seja ouvido na Comissão parlamentar para a Ética, a Cidadania e Comunicação. Pergunto: Será a sério, ou estarão os políticos apenas (e mais uma vez) a pretender passar a ideia de que estão preocupados com a situação da TDT portuguesa? Será mais uma audição em que nada se apura e sem consequências para ninguém, como aquando da desistência da PTC da TDT paga? Sim, porque da parte da ANACOM já sabemos que a introdução da TDT em Portugal está a ser um SUCESSO! Seria interessante saber quantas familias já mudaram para a TDT. Esses dados iriam demonstrar que a estratégia adoptada para a TDT portuguesa está errada (se é que ainda existe realmente alguma estratégia!), como aliás venho dizendo desde 2008.

10/11/2011:
Em Outubro fiz nova visita a uma loja PT Bluestore de Aveiro (uma das seleccionadas para prestar informação sobre TDT) e nada mudou, sobre TDT nem um cartaz ou folheto. Entretanto, um leitor fez-me chegar esta foto tirada a uma loja ZON numa cidade do norte.

A ZON não tem qualquer ligação com a introdução da TDT em Portugal, no entanto prontifica-se a "informar" sobre a TDT! Claro que isto não passa de um estratagema para angariar clientes. A informação sobre TDT não passa de um pretexto.

24/11/2011:
O presidente executivo da PT afirmou: "não estamos a fazer nada nas lojas", pois aí há tentação dos comerciais venderem o Meo. "As nossas lojas não são sítio certo para procurarem informação. 'Site', 'call center', loja não". A preocupação de Zeinal Bava em defender os interesses dos consumidores merece um prémio!

07/12/2011:
A PT parece ter alterado a sua estratégia. Segundo um anúncio que passa na televisão, a PT anuncia um receptor TDT HD e pede às pessoas para ligarem para um número telefónico ou a se dirigirem a uma loja PT. Segundo testemunho recebido, quem ligar é insistentemente "convidado" a aderir ao MEO. Não querendo aderir ao MEO os preços do receptor parecem variar consoante os serviços actualmente contratados com a PT, variando entre 1 e 50 Euros! A montagem (resta saber o que está incluido na montagem!) tem um custo de 25 Euros. Mas atenção, isto obriga a um contrato de fidelização a serviços PT de 12 meses.

Posts relacionados:
TDT não vai ser promovida durante a fase mais critica da transição
TDT: 1ª Campanha de informação não traz novidades
TDT é recebida por menos de 2% dos portugueses!
TDT: Preço alto dos adaptadores dificulta transição digital

14 comentários:

Porcas disse...

Os meus parabéns a este blog, o qual considero de grande utilidade, com melhor informação, no sentido de esclarecer a população, pena é que outros que o devem fazer não o fazem.

Luis Andrade disse...

tenho visto a tvi já falaram da TDT umas 3 vezes desde ontem para hoje
ainda deve falar mais a noite, há gente que nem consegue ver os 4 canais em analogico

Yagi disse...

Pedro Viana disse:
"A Portugal Telecom é responsável por implementar a TDT, mas as suas lojas não sabem informar sobre a mudança."

http://www.deco.proteste.pt/dvd-tv-som/televisao-digital-terrestre-lojas-informam-mal-s651271.htm

http://tv2.rtp.pt/noticias/index.php?t=Falhas-na-informacao-sobre-a-instalacao-da-Televisao-Digital-Terrestre.rtp&headline=20&visual=9&article=466904&tm=8

Pedro Viana disse...

"PSD quer ouvir ANACOM sobre falhas no processo da TDT reveladas pela DECO"

http://tv2.rtp.pt/noticias/index.php?t=PSD-quer-ouvir-ANACOM-sobre-falhas-no-processo-da-TDT-reveladas-pela-DECO.rtp&article=467613&layout=10&visual=3&tm=6

PIMBAS!

Miguel disse...

Vamos lá ver se é desta (e se ainda vai a tempo) que um governo pega no assunto da TDT e mete as coisas nos eixos. Pelo menos foram mais rápidos a reagir a uma denúncia do que o governo anterior que, aparentemente, nunca tomou nenhuma posição concreta sobre o assunto. Talvez seja boa altura, aproveitando o "sangue na guelra" deste governo, para voltar à carga com a petição para introdução na TDT de mais canais da RTP, antes que a privatizem.

Carlos Lourenco Ribeiro disse...

Após ter confirmado com a linha 800 que a zona/cód postal 4980-452 LINDOSO-Ponte da Barca estava considerada como uma zona de cobertura reduzida, e que portanto era elegível a atribuição do serviço DTH, desloquei-me pela primeira vez (desloquei-me cerca de 120KM) a PT bluestore de Braga/centro para fazer o levantamento do kit DTH. No local aquando do pedido da box para a DTH disseram-me que desconheciam em absoluto esta alternativa para a recepção da TDT, e sendo assim vim de lá sem o referido kit. Quase dois meses depois desloquei-me lá de novo (mais 120Km) e aí sim, primeiro tentaram-me vender o MEO SATÉLITE e depois quase ao fim de 2h a funcionária, com muitas dificuldades no preenchimento da aplicação informática PT interna, lá me conseguiu disponibilizar o famoso kit...
Na semana logo a seguir, fui á mesma loja PT fazer o levantamento de um novo kit para um familiar meu que tem mobilidade reduzida e que não tem meio de transporte próprio, e mais uma vez tentaram-me vender o serviço MEO SATÉLITE. Porém quando a mesma funcionária ia fazer a leitura do código de barras para libertar/vender o kit o sistema informático dava erro dizendo que não havia stock de boxes, mas na prática existiam na loja 7 boxes DTH. Sendo assim não foi possível me vender o kit e a funcionária disse-me que eu passa-se lá no dia seguinte e que o problema até lá seria resolvido. No dia seguinte desloquei-me novamente á loja (mais 120Km) e para espanto meu a funcionária disse-me que o problema afinal não estava relacionado com gestão de stocks mas sim que a zona/cód postal não era elegível para a entrega de uma box DTH porque no sistema o local tinha cobertura TDT e que para provar o contrario EU teria que pedir a deslocação de um técnico para ir ao local medir o sinal (deram-me o contaco de um técnico/parceiro da PT) sendo que esse serviço teria que ser pago por mim.
Resumindo, na semana anterior a morada/cód postal 4980-452 foi elegível para a venda da box, mas na semana seguinte na mesma loja e exactamente a mesma morada/cód postal 4980-452 já não era elegível a venda da box. E mais, por acaso estas duas habitações só estão distanciadas entre sí cerca de 150m.
Entretanto no local eu próprio liguei para a linha de apoio TDT para reclamar esta situação, e do outro lado e mais uma vez, disseram-me que nas duas bases de dados esse código postal era totalmente elegível para a venda da box e que portanto possivelmente a funcionária não estava a preencher correctamente os campos da aplicação informática PT interna. Sendo assim, a linha de apoio aconselhou-me a que eu me desloca-se a outra loja PT bluestore, a mais próxima Guimarães. Sendo assim lá me desloquei mais cerca de 60km e na PT de Guimarães o kit foi-me vendido sem qualquer problema informático ou de elegibilidade de cobertura.

Conclusão:
Tentativa para a aquisição do 1º kit DTH- deslocação de 120km mais meio dia de trabalho perdido.
Aquisição do 1º kit DTH 120km mais meio dia de trabalho perdido.
2 kit DTH 120km+ 60Km mais 1 dia de trabalho perdido, com a vantagem que os combustíveis estão baratos...
Finalmente lembro que nenhum destes dois kits MEO TDT relíquia vem activo, é necessário á posterior ainda ligar para a linha 808 e pedir a activação do mesmos, e ou um reforço do sinal porque o sinal recebido é débil.

Pelos vistos a ANACOM anuncia que a TDT portuguesa CONTINUA A SER UM CASO DE SUCESSO, e eu digo que a TDT portuguesa entregue á PT foi o maior erro que poderia existir, e prova disso é esta AUTENTICA PALHAÇADA que milhares e milhares de utilizadores denunciam á ANACOM e que a mesma nada faz para obrigar a PT a cumprir o contrato.

Yagi disse...

Caro Carlos Ribeiro,
Teria a amabilidade de enviar foto(s) do receptor satélite e eventualmente também o manual do equipamento para o e-mail tdtportugal@gmail.com ?

Ficaria-mos agradecidos!

Anónimo disse...

Alguém sabe da legalidade dos preços do kit TDT complementar (DHT) face ao normal descodificador TDT?

Não me parece justo ter que pagar 4 vezes mais, só porque a minha zona não está coberta.
Exemplo: uma pessoa em área coberta, por 2 televisões, paga cerca de 27eur x 2 descodificadores = 54eur. Eu teria que pagar 55eur+96eur (2 kits complementares)+ 61eur (instalação e parabólica)= 212eur (+instalação do 2ºkit).

Ainda para mais, tendo em conta que as áreas não cobertas serão, já por si, mais isoladas e carenciadas...Os idosos da minha zona vão desistir simplesmente de ver televisão, voltamos à Idade Média...

Yagi disse...

Um responsável da Anacom informou que o preço dos receptores satélite vai baixar para 40 Euros em breve. Desconheço se só baixa o preço do primeiro receptor e se mantem os 96 Euros para o segundo e terceiro. Mais informação aqui.

Yagi disse...

Fui a este site: http://www.***.pt/aderir/Pages/TESTEetset=CoberturaARUTREBOCarbif=082011FIBRActc110280cp7pag2.aspx
e inseri o meu contacto. No telefonema disse que queria um descodificador a operadora após verificar a zona do meu telefone fixo disse que o descodificador custava 50€, claro que ñ quis, já para um colega meu do trabalho o descodificador custava 1€ + 10€ na entrega que seriam descontados na proxima factura da PT. A unica diferença entre nós é que apesar de morarmos perto um do outro ele ñ está numa zona meo e tem meo satelite e eu estou numa zona meo adsl mas não tenho meo. Será coincidencia quem tem meo ou não está numa zona meo os descodificadores custarem 1€ e quem mora numa zona meo estes custarem 50€?
Enviado por Nuno

Marco Rodrigues disse...

Eu já entrei em 2 PT Blue Store e não vi nada sobre TDT.
Será que há alguma possibilidade de enviar uma petição ao governo para que façam algo em relação à TDT, como proibir a PT de vender m*o em vez de divulgar a TDT?

AgniPyro disse...

O preço dos aparelhos vai depender daquilo que tu tens na pt. quanto mais tiveres menos vais pagar. 50€ é o preço de quem não tem serviços.

Anónimo disse...

Isso da quantidade de serviços não é verdade, pois a minha tia tem apenas serviço telefónico da PT, e a 1ª caixa ficou a 10€ e a 2ª a 25€.

Cristina Carvalho disse...

Informo que comprei na loja PT/TMN/MEO junto à praça de Londres o TDT pelo valor de 10€, apenas tive que apresentar factª como cliente PT. E, obriga a fidelização 12 meses.E, não me foi colocada qualquer questão.